Hoje é:

  Blogue diário Notícias do Pedal,tudo sobre bicicletas em: revistanoticiasdopedal.blogspot.pt -»  Clique...
 

Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
 
 
 
Triatlo
 
 

“Estágio de preparação dos triatletas para as provas internacionais e para os Jogos Olímpicos”

Como as provas ainda não começaram, é altura ideal para uma preparação com maior intensidade. Apesar de a qualificação olímpica ser ainda uma incerteza, os triatletas estão focados em dar o seu melhor para os objetivos propostos para este ano.
O Estágio em Monte Gordo com o treinador Pedro Leitão teve a duração de três semanas e atingiu os objetivos propostos. As condições de excelência facilitaram o cumprimento de um plano, com os atletas a concentrarem-se no trabalho que tinha pela frente. «Bastante volume, introdução de intensidade, cerca de 30 horas de treino semanais, com as sessões de ciclismo realizadas todas em estrada, o tempo esteve excelente», resume o treinador Pedro Leitão.
«O estágio correu muito bem, treinámos muitas horas, com grande volume de treino e um aumento das intensidades», explica João Pereira, acrescentando que ‘se sente confiante para o próximo bloco de treino, já que o corpo absorveu o trabalho como devia. Com a distância que ainda nos separa dos Jogos Olímpicos e com a incerteza da realização de provas qualificativas, o objetivo do treino de Pereira volta-se quase em exclusivo para a preparação das Olimpíadas, que se realizarão no final de julho de 2021.
O treino de Gabriela Ribeiro tem em vista a abertura da qualificação para atacar em força nas provas, embora este cenário esteja ainda por decidir. De qualquer modo, o trabalho desta triatleta enquadrada no projeto olímpico está a ser realizado da melhor forma.
Este estágio incluiu um bloco de treino com a duração de quatro semanas, com três semanas a imprimir intensidade e uma semana de treino de recuperação, seguindo o mesmo esquema habitual, mas alterando algumas das rotinas que os atletas estão habituados a fazer.
Pedro Leitão explica que este estágio incluiu treino muito variado, por vezes tri-diário, iniciando com natação, seguido de treino físico em ginásio e ciclismo da parte da tarde, ou nadar de manhã e pedalar e correr à tarde, trocando a ordem dos segmentos para perceber como o corpo responde. «Alterando um pouco as rotinas de treino habituais, é possível compreender melhor a adaptação de cada atleta», explica o treinador.
O próximo planeamento irá depender da abertura de provas e da qualificação olímpica, mas estão previstos ainda mais dois estágios antes do Jogos Olímpicos.
Fonte: Federação Triatlo Portugal

 
  Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
Revista Notícias do Pedal

 

Copyright © 2021 - ® Revista Notícias do Pedal - Todos os Direitos Reservados
Este site está optimizado para ser visualizado em 1347x533