Estatuto Editorial  ●  Ficha Técnica  ●  Links  ●  Calendários  ●  Galeria Multimédia  ●  Contactos


Ciclismo


“Campeonato Nacional de Masters”

 

 

A equipa de Ciclismo de Rio Maior, ASFIC – Grupo Parapedra/Dinazoo/Riomagic, disputou no dia 25 de junho, na cidade de Reguengos de Monsaraz, o Campeonato Nacional de Masters. O treinador Jorge Caldeira e o director desportivo Rui Medina, deslocaram-se para esta competição acompanhados de 8 atletas: Rui Rodrigues, João Portela, Humberto Pereira, Luis Vicente, Nuno Manso, Anibal Santo, Hugo Feijão e Jorge Letras.
O Campeonato Nacional de Masters é disputado por categorias de 5 anos, estando inscritos cerca de 252 atleta em todas as categorias, tendo os atletas da ASFIC dividindo-se nas seguintes Categorias: Masters 30 – João Portela, Hugo Feijão e Jorge Letras. Master 35 – Luis Miguel Vicente e Nuno Manso. Master 40 – Rui Rodrigues, Humberto Pereira Careca. Master 45 – Anibal Santo
A partida da prova deu-se em conjunto, mas para os Elites e Masters 30 a prova tinha cerca de 161 km, e para os Masters 40 cerca de 129km, acabando ambas dentro de Reguengos de Monsaraz, sendo que a dos Masters 40 acabava na quarta passagem do pelotão nesta vila alentejana.
Para esta corrida, a equipa riomaiorense propunha-se a atingir dois objetivos: a revalidação do titulo de campeão nacional nos Masters 40 do atleta Rui Rodrigues, e a conquista da camisola de campeão nacional Masters 30, por parte do João Portela.
A prova teve início às 11h00, tendo o pelotão rodado inicialmente compacto e com vários ataques, mas sempre controlados pelo pelotão.
À passagem por Reguengos de Monsaraz, para a finalização da categoria Master 40, a equipa conseguiu um excelente posicionamento, deixando o Anibal Santo e o Humberto Careca bem posicionados para que Rui Rodrigues estivesse bem colocado no sprint para a meta, sendo esta a posição fulcral para disputar o titulo nacional. Rui Rodrigues teria de percorrer sozinho até a meta cerca de 500 metros, e assim o fez, ele e o vencedor da categoria master 45 e o segundo classificado, cortaram a meta na frente, vencendo ambos nas suas categorias e conquistando a camisola de campeão nacional.
A corrida dos Elites e Masters 30, viria a ser disputada também ao sprint, mas desta vez a sorte não esteve do lado da ASFIC, João Portela não conseguiu cortar a meta em primeiro lugar, sagrando-se vice campeão na sua categoria.
A ASFIC conseguiu assim um titulo de campeão nacional e um Vice Campeão nacional, o que é um feito histórico para a sua equipa e para Rio Maior, uma vez que Rui Rodrigues é agora Bi campeão nacional de Masters 40, um título que dedica a todos os patrocinadores sem exceção, realçando porém o Grupo Parapedra que tem dado o maior apoio para que esta equipa consiga fazer face às despesas das deslocações efetuadas.
Mais uma vez a Cidade de Rio Maior, a Freguesia da Ribeira de S. João e os patrocinadores da ASFIC, subiram ao lugar mais alto do pódio, na prova de maior destaque a nível nacional.
O Ciclismo de Rio Maior e a ASFIC está mais uma vez de parabéns.
Fonte: ASFIC

 

 

 

 


 

Revista Notícias do Pedal


Estatuto Editorial  ●  Ficha Técnica  ●  Links  ●  Calendários  ●  Galeria Multimédia  ●  Contactos

Copyright © 2017 - ® Revista Notícias do Pedal - Todos os Direitos Reservados
Este site está optimizado para ser visualizado em 1598x690