Hoje é:

  Blogue diário Notícias do Pedal,tudo sobre bicicletas em: revistanoticiasdopedal.blogspot.pt -»  Clique...
 

Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
 
 
 
Ciclismo
 
 

“Troféu Internacional de Pista - Alves Barbosa”
Portugueses dominam provas de endurance no Troféu Alves Barbosa

Por: Ana Nunes
Os corredores portugueses ocuparam por completo o pódio de omnium masculino do Troféu Internacional de Pista – Alves Barbosa, em Sangalhos, Anadia, com Ivo Oliveira (UAE Team Emirates) a conquistar a vitória. Em madison foi a dupla composta pelos gémeos Ivo e Rui Oliveira a sagrar-se vencedora.
Adivinhava-se um dia repleto de muita ação e grandes disputas no Velódromo Nacional, em Sangalhos Anadia, o Troféu Internacional de Pista – Alves Barbosa, uma prova de classe C2, contou com corredores de grande nível mundial, a representar 18 países distintos. No entanto, nas provas de endurance, foram os portugueses que estiveram em grande destaque.
Ivo Oliveira (UAE Team Emirates) esteve sempre no controlo da prova de omnium masculino, vencendo desde logo o scratch, na frente de Iúri Leitão (Tavger-Measindot-Mortágua) e do vencedor das provas de endurance da Liga dos Campeões de Pista, Gavin Hoover (USA National Team).
O português tornou a superiorizar-se na corrida tempo e foi segundo na eliminação, atrás do irmão, Rui Oliveira (UAE Team Emirates), a corrida por pontos serviu para Ivo Oliveira solidificar a sua vantagem, vencendo a prova com um total de 146 pontos. O segundo lugar ficou para Iúri Leitão, com 131 pontos, com Rui Oliveira (UAE Team Emirates) a fechar um pódio 100% português, com 115 pontos
Já no setor feminino, a espanhola Tania Calvo (Laboral Kutxa) venceu a prova de scratch mas, a partir daí, foi Anita Stenberg (Norway National Team) a dominar, sem dar qualquer hipótese às adversárias, a corredora da Noruega, que tinha sido segunda na primeira prova do concurso de omnium, ganhou a corrida tempo, a corrida de eliminação e selou a vitória na corrida por pontos, Stenberg, somou 139 pontos no total, terminando à frente de Lily Williams (USA National Team), com 121 pontos, e Lydia Boylan (Individual), com 117 pontos.
A dupla da UAE Team Emirates, composta pelos irmãos Ivo e Rui Oliveira, conseguiram impor-se desde início na prova de madison, controlando a corrida até ao final, os portugueses somaram um total de 35 pontos, o que lhes garantiu a vitória, em segundo lugar terminou a dupla composta por João Matias (Louletano-Loulé Concelho) e Iúri Leitão, com 29 pontos, com os britânicos Jack Brough e Jack Rootkin Gray (Team Inspired) a fecharem o pódio em terceiro, ao somarem 27 pontos.
No madison feminino foi a dupla da Suíça, composta por Aline Seitz e Lena Mettraux a levar a melhor, com um total de 41 pontos, a dupla das americanas Michelle Andres e Lily Williams fechou em segundo, com 29 pontos, seguida das francesas Flavie Boulais e Ollier Bénédicte, com 15 pontos.
No keirin masculino tivemos uma corrida empolgante, com luta pela vitória até aos últimos segundos, os corredores indianos voltaram a mostrar a sua força e pareciam ter tudo controlado para tomarem os dois primeiros lugares da prova, apesar de David Beckhame (India National Track Cycling Team) não ter conseguido passar à final.
No entanto, mesmo em cima da linha de meta, Laitonjam Ronaldo Singh e Esow Esow (India National Track Cycling Team) foram surpreendidos pelo lituano Vasilijus Lendel (Lithuanian National Team), desta feita, com o terceiro classificado da Liga dos Campeões de Pista a vencer, Ronaldo Singh terminaria na segunda posição e Esow Esow em terceiro lugar.
Na prova de sprint masculino o terceiro lugar foi disputado por Yanglem Rojit Singh (India National Track Cycling Team) e José Moreno Sanchez (Escribano Sport Team), com o corredor indiano a levar a melhor sobre o espanhol, vencendo as duas corridas, o primeiro e segundo lugares foram discutidos entre Laitonjam Ronaldo Singh e Vasilijus Lendel, com o corredor lituano a levar a melhor nas duas corridas, vencendo desta feita também a prova de sprint.
Quanto aos juniores masculinos disputaram as provas de scratch e eliminação, no scratch foi Eneko Arozena (Basque National Team) a conquistar a vitória, seguido de Beñat Garaiar (laguntasuna c.c Team) e Diogo Saleiro (Centro Ciclista de Barcelos), na eliminação inverteram-se os papéis, com o espanhol Beñat Garaiar (laguntasuna c.c Team) a vencer, na frente de Eneko Arozena e Diogo Saleiro (Centro Ciclista de Barcelos).
Na categoria de cadetes masculinos foi Gabriel Baptista (Landeiro/KTM ACR Roriz Cycling Team) a vencer, com Miguel Batista (Centro de Ciclismo de Loulé) a terminar na segunda posição e João Marques (Vilanovense/COREVA/DUOREP) a fechar no terceiro lugar.
Na prova de eliminação foi, precisamente, João marques a conquistar a vitória, seguido de Rodrigo Neves (Centro Ciclista de Barcelos) e Afonso Gomes (Vilanovense/COREVA/DUOREP).
Fonte: Federação Portuguesa Ciclismo

 
  Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
Revista Notícias do Pedal

 

Copyright © 2021 - ® Revista Notícias do Pedal - Todos os Direitos Reservados
Este site está optimizado para ser visualizado em 1347x533