Hoje é:

  Blogue diário Notícias do Pedal,tudo sobre bicicletas em: revistanoticiasdopedal.blogspot.pt -»  Clique...
 

Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
 
 
 
Ciclocrosse
 
 

“Michael Vanthourenhout e Lucinda Brand triunfam na Taça do Mundo de Ciclocrosse na Bélgica”

Por: José Morais
Fotos:
Getty Images
A taça do mundo de ciclocrosse regressou de noivo à Bélgica depois de ter passado pela Holanda, com Michael Vanthourenhout a triunfar na prova masculina realizada em Namur no domingo 19 de dezembro, onde os ciclistas tiveram imensas dificuldades, num percurso muito duro, com imensa lama, com chuva do início ao fim da corrida.
Os primeiros atletas a destacarem-se sendo os primeiros líderes solitários logo na primeira volta, foram Quinten Hermans e Toon Aerts, mas na roda deste último, estavam Vanthourenhout, Hermans e Pidcock, e este último que fez uma grande recuperação, o qual na partida estava bastante atrasado motivado pela posição na geral, onde os ciclistas com as imensas dificuldades encontradas, faziam uma prova solidária, e estavam espalhados ao longo de todo o circuito.
Entretanto sensivelmente a meio da corrida Pidcock juntava-se a Aerts, que tinha o azar de furar, ficando para trás, porem não muito distante estava já Vanthourenhout, o qual se juntava à frente da prova a três voltas do final, porem, a vitória estava na frente da corrida com Aerts a quase meio minuto de distância, e quando o britânico atacava na subida, o belga por sua vez atacava nas descidas fazendo mais pressão, e em especial nas partes mais técnicas, sendo a tática por onde a corrida se decidiu.
Mas, Vanthourenhout continuava a forçar o ritmo, e surge a queda de Pidcock, e com o tempo que perde, o voltar à bicicleta, acaba por ser fatal, com o belga da Pauwels Sauzen – Bingoal a ir-se embora, pedalando assim para a vitória final, o seu primeiro da época na taça do mundo de ciclocrosse, Pidcock era 2º a 36 segundos, e Aerts era 3º a 51 segundos, com Eli Iserbyt ser 5º, mantendo a liderança da Taça do Mundo.
Na prova feminina, Lucinda Brand dominou a prova, com a campeã do mundo, a conseguir liderar a taça do mundo de ciclocrosse, com uma vitória sem dúvida muito forte, com Denise Betsema a fazer segundo lugar, e Puck Pieterse a fazer terceiro lugar.
Uma prova onde a ciclista holandesa liderou do início ao fim, sempre perseguida por Denise Betsema da Pauwels Sauzen-Bingoal, enquanto ambas as ciclistas cometiam diversos erros na pista muito traiçoeira, porem, Denise Betsema esforçava-se, e na última volta ainda conseguiu ver Lucinda Brand, mas a sua rival estava mais forte, e teve de se contentar com o segundo lugar ficando a 20 segundos, com a realização desta prova, Lucinda Brand continua a liderar a taça do mundo de ciclocrosse, possuindo mais 23 pontos da sua rival Denise Betsema, quando falta ainda quatro corridas para o final da taça.

 
  Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
Revista Notícias do Pedal

 

Copyright © 2021 - ® Revista Notícias do Pedal - Todos os Direitos Reservados
Este site está optimizado para ser visualizado em 1347x533